A maior figueira do Rio Grande do Sul

A maior figueira do Rio Grande do Sul
O IBAMA passou o problema para a FEPAM. Uma pergunta que fica, será que antes da queda de 30% da Figueira da Paz, uma solução será tomada.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

O Sonho de Atahualpa Cibils

Está no You Tube http://www.youtube.com/watch?v=lFree5vIM-M

Na década de 40 (século XX), na atual cidade de Arambaré, o uruguaio Atahualpa Cibils destacava-se à frente de seu tempo.

Construiu um edifício de concreto armado as margens da Lagoa dos Patos, cujo projeto incluía uma avenida ornada com palmeiras.

Lá funcionou um engenho de arroz, escola para os funcionários, hotel, bar, restaurante, salão de jogos e moradia.

Próximo, na estância "La Cornélia", este visionário construiu ainda uma praça, no meio do campo. O tempo tratou de deixar em ruínas as suas ousadas obras. Acompanhe o vídeo realizado durante uma saída de estudos do Núcleo de Pesquisas Históricas de Camaquã.

 Produzido por http://www.conjuminando.com.br/



13 comentários:

  1. Subimos neste engenho. A vista lá de cima é linda!!! A prefeitura deveria tombar este prédio e o usar como um patrimônio histórico por ele ter sustentado o município e desenvolvido-o.

    ResponderExcluir
  2. é verdade que ele será vendido pra RBS TV??, arambaré nunca mais será a mesma se for vendido,pena.

    ResponderExcluir
  3. esse predio é muit lindo mesmo, mas ouvi dizer que ele não esta em condições de ser reformado, sua extrutura é muito fragil.

    ResponderExcluir
  4. estive em arambaré a pouco tempo atras, o que eu mais queria era tirar fotos desse engenho, não sei se vcs já chegaram a ver fotos do quarto que há no primeiro andar, o papel de parede ainda original, listras douradas com branco e toda detalhada. Tenho um desejo de entrar dentro da fabrica ver como é dentro, eu adoro esse tipo de construção antiga.

    ResponderExcluir
  5. Tenho muitas recordações de minha infancia neste lugar, brincava com meus primos e tios ali, era um movimento e tanto com aqueles estivadores carregando sacas de arroz de 60 kilos na cabeça e não era um só, chegavam a carragar trez noma ida só, me lembro das travesuras de brincar de se esconder entre a pilha de sacas e a ratazanas enormes que andavam por ali, nosso passatempo era ali ou ir pescar Lambari no Arroio do Velhaco, meu avo Zapican Cibils, irmão de Ataqualpa Cibils, viveu até seus ultimos dias ali na praia de Caramuru, atual Cibilslandia, faz muitos anos que não vou lá, não sei se tem alguma rua com o nome de meu avo, mas creio que seria justo ter uma praça ou rua com o nome dele.
    Sou filho de Indio Charrua Escariz Cibils, moro em Florianópolis S.C.
    Minha profissão, Jornalista.
    Tenho muitas saldades dai, pretendo um dia se possivel voltar a visitar.

    J.L.CIBILS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi meu querido por acaso voce tem fotos de como era o predio naquela epoca gostariamos de restaurar o engenho como era na epoca

      Excluir
  6. Sim tem uma rua com o nome de nosso avô,e minha infancia foi toda ali em caramuru,atual cibilslandia,mas placa com o nome de nosso avô caiu e nunca mais colocaram,mas sei que as pessoas que o conheceram nao vão esquece-lo,pois foi uma pessoa sempre justa e correta,não era rico como seu irmão Atahualpa Cibils MAS EU O AMAVA MUITO E SEI O QUANTO ELE FEZ POR CARAMURU,dentro das posses que tinha,o camping do caramuru na epoca do nosso avô era lindo,limpo e muito bem cuidado pois o vô era um amante da naturezae eu sou filha de TABARÉ INACIO ESCARIZ CIBILS,e amo minha terra e luto por ela!!! Sofia Sarai Silva Cibils

    ResponderExcluir
  7. Comunidade de Arambaré: mobilizem-se! O tombamento do conjunto é urgente, a sociedade precisa levar essa demanda às autoridades.

    ResponderExcluir
  8. ME CRIEI EM ARAMBARE,SOU FILHA DE SOFIA SARAI SILVA CIBILS, NETA DE TABARE INACIO ESCARIZ CIBILS . GOSTO MUITO DE ARAMBARE,PENA QUE A CIDADE JA NÃO ESTÁ SENDO CUIDADA COMO ERA ANTES.QUERO PODER UM DIA LEVAR MEUS FILHOS PARA LÁ,E QUE ELES POSSAM DESFRUTAR UM POUCO DA INFANCIA MARAVILHOSA QUE EU TIVE.
    LUCIANA MARIA CIBILS OLIVEIRA.

    ResponderExcluir
  9. Poxa, cheguei a me emocionar relembrando as histórias em que vivi em Arambaré, talvez as melhores da minha vida, e sempre tive esta curiosidade de saber a história deste engenho. Ninguém possui fotos de como era quando novo, as pessoas trabalhando, o bar, os quartos? A quem pertence o prédio nos dias de hoje, precisamos resgatar esta história, e continuar a história, porque a muitos anos nada de importante acontece no prédio, e o mesmo vem sofrendo com vandalismo desde 1995 quando eu tinha uns 8 anos de idade, quando as pichações ja eram presentes, os vidros quebrados, janelas retiradas.

    Quem é o dono do Prédio? Vamos buscar ao menos entender o desinteresse, acredito que um prédio deste tamanho não possa ser tão frágil que não possa ser restaurado.

    ResponderExcluir
  10. Gente como sempre tem q ter politica no meio, este prédio foi a leilão a mais ou menos 10 anos atrás quem comprou foi um grupo de empresários, conduzidos pelo prefeito da época, Alaor Pastoriza Ribeiro, POR 27.000,00 (NA ÉPOCA ERA UMA MICHARIA),Sr. Osmar e Alcides, após a compra venderam alguns lotes da área ao redor e abandonaram o investimento pq um descendente do Sr Ataualpa conhecido da região por sua (MÁ)fama, TONINHO CIBILS, -RENEGADO COM A VENDA E A PERDA DO PREDIO E DA AREA QUE O CONTORNAVA , ELE COLOCOU “FOGO” NO IMOVEL, DEIXANDO PRATICAMENTE EM RUINAS, QUEIMOU TODA A DOCUMENTAÇÃO QUE TINHA NO LOCAL, E TODO O MADEIRAMENTO QUE EXISTIA E RIQUISSIMOS ARQUIVOS COM FOTOS DE TODA A HISTORIA DA REGIÃO. QUE EU MESMO TIVE A OPORTUNIDADE DE VER. A POUCOS DIAS ATRAS FOI VENDIDO NOVAMENTE TODA A AREA REMANESCENTE POR R$ 200,000,00 É TRISTE MAIS É A VERDADE.

    ResponderExcluir
  11. Estive lá ontem 02/01/13, tirei fotos, estive em todos andares, o prédio pelo que vi ficou inacabado, algumas partes do piso tem data de 1951. Como todos fiquei curioso em saber da história. O prédio foi comprado por um conhecido meu, dentro de algumas semanas entrará em reformas. A ideia é transforma-lo em um prédio Residencial e comercial. No último andar será feito um restaurante com vista panorâmica, e 1º andar será feito salas comercias (lojas e supermercado etc.) o restante será dividido em apartamentos, mas ainda não sei exatamente se vão ser para venda ou locação. Quem comentou de que o prédio não tem condições de reforma está errado, foi contratado 2 engenheiros especializados para realizar os estudos necessários. Uma parte será demolida, mas a estrutura principal (pilares e vigas) serão mantidas pois segundo os técnicos estão em perfeitas condições. Não posso afirmar que será exatamente isso que será construído, dentro de alguns dias tenho essa resposta. Se alguém tiver interesse em ver como vai ficar manda um e-mail emerson.leandror@hotmail.com.

    Émerson

    ResponderExcluir
  12. Saberiam informar até que ano funcionou o engenho Cibils?

    ResponderExcluir